Vídeo mostra onda de lama e rejeitos logo após rompimento da barragem da Vale em Brumadinho. ASSISTA!!

 

Uma câmera fixa no alto da Mina Córrego do Feijão mostra o momento logo após a barragem da Vale se romper no início da tarde da última sexta-feira (25), em Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

O “tsunami” de lama, minério e rejeitos avança rapidamente, engole veículos, máquinas, trem, prédios e encobre toda a mina.

O relógio da câmera marcava 12h28 e 31 segundos. Primeiro, aparece uma poeira do lado esquerdo, que vai subindo e se alastrando. Depois começa a aparecer a lama. No centro, uma estrutura da Vale, veículos e alguns funcionários. Um veículo branco e uma máquina tentam escapam, mas são cercados pelo “mar de lama” e somem.

As imagens foram exibidas nesta sexta-feira (1º) pela Band e cedidas à Globo.

 

 

 

Números da tragédia

  • 110 mortos confirmados – 71 identificados
  • 238 desaparecidos
  • 192 resgatados
  • 394 localizados
  • 108 desalojados ou desabrigados