Turistas encontram corpo no lago do Passeio Público

14/08/2017 às 12:24. Comente esta notícia!

Foto: Giuliano Gomes/Tribuna do Paraná

Turistas que aproveitavam para conhecer o Passeio Público, no Centro de Curitiba, neste domingo (13) tiveram um grande susto em pleno Dia dos Pais. Enquanto se divertiam em um dos pedalinhos oferecidos no local, eles avistaram o corpo de um homem boiando no lago. A Polícia Militar foi acionada por volta das 10h30.

Os visitantes – que deixaram o parque logo depois – pagaram R$ 15 pelo passeio no lago e, inicialmente, imaginaram que o material boiando seria apenas um saco preto. No entanto, ao se aproximarem, identificaram que era uma pessoa e chamaram a PM, que isolou parte da estrutura do parque. O restaurante também não abriu até a remoção do corpo.

Segundo o perito Edimar Cunico, do Instituto de Criminalística, o homem não tinha ferimentos aparentes, exceto uma escoriação na cabeça. “Tudo indica que tenha acontecido na noite de sábado, que ele tenha caído, talvez até por estar alcoolizado, e ao bater no fundo da água, acabou machucando a cabeça”, explicou.

Junto ao corpo do homem, que estava bem vestido, a polícia encontrou um cartão da Caixa Econômica Federal (CEF). “Não havia mais nenhum outro documento com ele, então não sabemos se o nome era o que estava no cartão, ou não”, completou o perito, adiantando que o Instituto Médico Legal (IML) deve confirmar a identificação oficial.

Substância no lago

Há algumas semanas, frequentadores do parque ficaram intrigados com a espuma branca que tomava conta da superfície do lago. Essa espuma química nada mais é do que a semente das árvores paineras do parque, que caem acompanhadas de uma seda produzida pela planta.

 

Fonte: Gazeta do Povo