Treino e menstruação: confira 3 substitutos do absorvente comum

11/10/2018 às 08:50. Comente esta notícia!

Esqueça o filme de terror que criaram na nossa cabeça sobre a menstruação. O ciclo natural das mulheres não deveria ser considerado um tabu – muito menos ser temido por nós.

O clássico esportivo
“Fui a primeira brasileira a experimentar o novo Intimus Sport, uma linha de absorventes mais finos e maleáveis. Testei dois modelos diferentes. Corri 10 km com a versão Tradicional, que se mostrou superconfortável para o treino: não marca no short justo e é largo o suficiente para evitar vazamentos durante agachamentos e abdominais. Porém, a versão Protetor Diário saiu do lugar, o que sujou a calcinha – seria melhor se tivesse abas.”

O sustentável

“Uso o coletor menstrual há alguns anos: coloco o potinho de manhã em casa (é mais seguro e prático, já que às vezes você entra em contato com o sangue na hora de inserir) e passo o dia todo com ele. Dá para nadar e vestir leggingtranquilamente, porque fica só uma haste bem pequena para fora (você pode cortá-la, se quiser). Pratico ioga, faço funcional e até corro e me sinto protegida – na verdade, esqueço que estou menstruada. No começo, parece difícil se adaptar a ele, mas hoje não troco por nada.”

O tipo lingerie

“Vista de longe, a Pantys (modelos a partir de R$ 75) parece uma calcinha, mas possui uma camada tecnológica que retém a menstruação. Fui à aula de bike segura porque a peça, lavável, se adaptou ao corpo como uma lingerie normal, não vazou e, por ter um forro grande e macio, até aliviou a pressão que o selim faz no bumbum. Só que, se for malhar à noite, aconselho que você a vista perto da hora do treino: quando passei o dia todo com ela, desisti da sessão de suor por receio de alguém sentir um cheirinho desagradável.”