Ao Vivo

“Tentaram roubar minha filha dos meus braços, em um ponto de ônibus”, alerta mãe

25/11/2019 às 09:44.

Maria Clara tem 5 meses (Foto: Reprodução Facebook)

A dona de casa Gabriella Garcia, 19 anos, mãe da pequena Maria Clara, 5 meses, passou por um momento desesperador na última terça-feira (12), em um ponto de ônibus de Santos, em São Paulo, onde mora. “Estava saindo do médico da minha filha e atravessei a rua para pegar o ônibus. Quando cheguei no ponto de ônibus, havia uma moça sentada. Loira, com uma pinta bem grande ao lado do olho, blusa cor-de-rosa e calça preta. Minha filha é sempre simpática com todos, e a moça começou a brincar com ela. Perguntou se ela já poderia beber refrigerante e eu disse que não. Ela insistiu para dar um pouco para minha filha porque ela estava olhando, eu reforcei que não era para dar, e ela seguiu brincando com minha filha”, conta.

Em seguida, chegaram dois ônibus. A mulher caminhava para entrar no da frente e Gabriella pegaria o que estava logo atrás. “Levantei e fiquei meio atrás da mulher. Ela foi entrando no ônibus e tentou puxar a minha filha do meu colo! Eu gritei para ela soltar, disse que Maria Clara estava chorando, pois ela puxava o braço da minha filha. Mas a mulher puxava com mais força. Vendo que eu não soltaria, ela começou a tentar tirar o meu braço e me arranhou muitas vezes! Até que, por fim, ela desistiu, entrou no ônibus e foi embora. O motorista do ônibus que vinha atrás desceu para me amparar, pois, nesse momento, minha asma já estava atacada. Eu chorava muito e minha filha também! Nunca mais saio sozinha de casa com ela, nunca mais”, desabafou Gabriella.

A mãe conta que pretende registrar o caso na polícia. “Graças a Deus foi só um susto e estamos bem. Eu só estou com uns arranhões e minha filha não tem nada! Nunca me imaginei nessa situação. Nunca me imaginei passando por esse desespero! Não desejo isso para ninguém! Pessoal, cuidem, segurem seus filhos com toda a força do mundo. Prendam eles a vocês na rua, bares, shopping, restaurantes e principalmente em pontos de ônibus”, alertou ela, pelas redes sociais. Em menos de 24 horas, o post foi compartilhado aproximadamente 4 mil vezes.

QUASE ROUBARAM A MINHA FILHABom.. eu Juro por tudo que é de mais sagrado que nunca me imaginei nessa situação, nunca…

Posted by Gabriella Garcia on Tuesday, November 12, 2019