Ao Vivo

Solidária, população de Curitiba usa drive-thru para doar alimentos e roupas

19/04/2021 às 08:00.

Doação solidariedade alimentos e roupas masculinas para a campanha Doe. O primeiro drive-thru da ação social realizado ao lado do Mercado Municipal. Curitiba, Foto: Divulgação /Prefeitura de Curitiba

Dezenas de pessoas atenderam ao chamado da Prefeitura de Curitiba, neste sábado (17), e doaram alimentos não-perecíveis e roupas masculinas para a campanha Doe Solidariedade. A doação aconteceu durante o primeiro drive-thru da ação social realizado ao lado do Mercado Municipal, em frente ao Mercado de Orgânicos.

Das 9h às 13h, motoristas como o empresário Luiz Gabardo estiveram na tenda montada pela Fundação de Ação Social (FAS) para contribuir com a campanha. Junto com a filha, Laura, ele levou calças, camisas e agasalhos de lã que serão entregues a pessoas em situação de rua atendidas pelo município. “Eu sempre participo das campanhas da FAS. Acho importante e um dever como cidadão”, disse ele.

Alexandre Stradioto passou pela drive-thru, acompanhado da mulher e da filha, para doar alimentos. Moradores do bairro Santa Felicidade, ele disse que decidiu participar por estar preocupado com a situação das famílias afetadas pela pandemia da covid-19. O servidor público Reginaldo Grilo e a filha, Ana Clara, também não se importaram com a distância e saíram do bairro Pinheirinho, onde moram, para ir até o ponto de coleta.

A ideia de fazer drive-thru tem o objetivo de facilitar a doação. “Decidimos adotar essa forma de doação para tornar rápido, acessível e também proteger as pessoas neste momento de pandemia”, explicou o presidente da FAS, Fabiano Vilaruel, que acompanhou a equipe durante a ação.

Embora o drive-thru tenha sido montado para que os doadores nem precisassem sair de seus carros, muita gente foi a pé para entregar suas doações. Aos 80 anos, dona Ester Sanches Fernandes, andou do Juvevê ao Centro carregando duas sacolas com alimentos. “Eu queria trazer mais, mas não ia conseguir carregar”, explicou ela, que ficou sabendo da campanha pela televisão.

Com a ajuda de um funcionário e um carrinho de transporte de carga, o empresário José Pedral, que tem uma loja de utilidades ao lado do Mercado Municipal, foi até o ponto da campanha para doar caixas de alimentos, entre eles leite, feijão, arroz, macarrão. “Venho de uma família grande e com uma boa estrutura, sei que nós, enquanto sociedade, precisamos ajudar o poder público no atendimento às famílias que estão precisando de apoio”, disse. A doação, segundo ele, também foi para agradecer às boas vendas que está tendo nas últimas duas semanas, depois de ter passado um mês com a loja fechada, em função das restrições adotadas para conter o novo coronavírus.

Campanha

Lançada na última quarta-feira (14), a campanha Doe Solidariedade vai distribuir os alimentos recebidos às 34 mil famílias que vivem hoje em extrema pobreza, em Curitiba. As roupas, que devem ser doadas em bom estado de conservação, irão aquecer pessoas que vivem em situação de rua e são atendidas nas unidades da FAS. A campanha, coordenada pelo Disque Solidariedade, pede a doação de roupas masculinas porque a maioria (86%) da população de rua da capital é formada por homens.

Ao longo da campanha serão realizados vários drive-thrus para recebimento das doações.  O cronograma com endereço, dia e horário serão divulgados ao longo da ação.

A campanha tem também pontos fixos e permanentes para doação. Eles estão nas Ruas da Cidadania e na administração regional da CIC, nos 39 Centros de Referência de Assistência Social (Cras), nos dez Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas), e no Disque Solidariedade, onde também foi instalado um drive-thru.

Quem preferir ainda poderá fazer doações nas 22 lojas dos supermercados Condor e nas 11 lojas dos supermercados Festval. Veja quais são os pontos de coleta de doações no link http://fas.curitiba.pr.gov.br/doesolidariedade

Via: Tribuna Do Paraná