Ao Vivo

Sol e calor predominam em Curitiba até domingo, que tem previsão de 34ºC

10/09/2020 às 07:57.

Foto: Marcelo Andrade/Arquivo/ Gazeta do Povo

O tempo vai ficar mais firme em Curitiba e região a partir desta quinta-feira (10). Segundo o Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná (Simepar), ventos do quadrante norte favorecem a manutenção do tempo quente na maior parte do Paraná, pelo menos até o fim de semana.

No domingo (13), os termômetros devem passar registrar temperaturas máximas perto dos 34ºC na região Leste do estado, que inclui a capital e cidades de região metropolitana.

Nesta quinta, em Curitiba, as temperaturas devem variar entre 15ºC e 29ºC. Ainda deverá haver presença de nuvens e o sol aparece entre elas. De acordo com a previsão, na sexta-feira (11) e no sábado (12), as temperaturas já devem passar dos 30ºC e atingir máxima de 34ºC no domingo. Este fluxo crescente ocorre porque os ventos que vinham do oceano perderam força e o calor da área norte passou a entrar no estado. Não há previsão de chuva até o domingo.

“As temperaturas se elevam porque o vento chega de regiões mais quentes. Como umidade está baixa e o sol aparece, isso favorece o aumento das temperaturas”, explica o meteorologista Reinaldo Kneib, do Simepar.

Ainda segundo ele, há previsão para a entrada de uma frente fria na região de Curitiba, a partir da semana que vem. “Esse calor, normalmente, também antecede a chegada de frente fria. Semana que vem passamos a esperar chuvas isoladas. Também vamos avaliar se há possibilidade de temporal. Por enquanto, nada previsto nesse sentido”, diz Kneib.

Litoral

Nesta quinta-feira, o sol também aparece no Litoral. Apenas entre a Serra do Mar e as praias ainda deve haver maior presença de nuvens. No entanto, segundo o Simepar, á beira-mar o sol deve estar mais forte. A meteorologia aponta um dia quente, sem chuva e com umidade baixa no decorrer da tarde. Em Guaratuba, Matinhos e Pontal do Paraná, os termômetros devem marcar temperaturas entre 18º C e 25º C nesta quinta.

Via: Tribuna Do Paraná