Ao Vivo

Slime pode ter ingredientes tóxicos para crianças, alerta Proteste

05/09/2018 às 08:40.

O bórax (borato de sódio), substância utilizada para fazer o slime, é o principal vilão dos ingredientes do brinquedo semelhante a uma geleca caseira e pode causar sérios riscos à saúde. O alerta foi divulgado pela Proteste – Associação Brasileira de Defesa do Consumidor que explica que o ingrediente é também utilizado na matéria-prima de alguns produtos de limpeza, como sabão em pó para máquina de lavar e inseticidas.

“Para ter uma ideia do potencial de risco do bórax, a Anvisa o avalia como classe toxicológica II, isto é, altamente tóxico. O bórax é uma substância alcalina (com pH alto) e tende a danificar a camada de gordura protetora da pele, o que pode causar o surgimento de lesões que parecem feridas vermelhas, que coçam e ardem, e até dermatite de contato, que é uma reação que se assemelha a uma queimadura de pele e causa descamação”, diz o alerta.

A sugestão é utilizar receitas à base de cola branca e bicarbonato, que não contém o boráx, mas sempre ficar de olho e nunca deixar a criança fazer o brinquedo sozinha. “É fundamental acompanhar todos os processos de confecção do slime caseiro junto com as crianças, mas não é possível garantir que o produto final será inofensivo”, afirma a Proteste.