Simone & Simaria falam de aprendizado em momento com problemas de saúde

08/08/2018 às 08:47. Comente esta notícia!

Simone & Simaria passaram por um momento difícil quando Simaria sofreu de tuberculose ganglionar, doença que a fez se ausentar dos palcos para um lento processo de recuperação. Enquanto isso, Simone fez shows sozinha. Passado o susto, elas já estão de volta com o lançamento do single “Um Em Um Milhão”. O primeiro show com o retorno da dupla será no próximo 9 de agosto, contanto com a participação do Padre Fábio de Melo.

Fotos: Francisco Cepeda/AgNews

Em coletiva de imprensa nesta terça-feira (07), a dupla contou como foi esse momento de crise e o que elas tiraram de aprendizado. Simaria, por exemplo, resolveu se desligar do mundo para uma melhor recuperação.

“Eu queria ter a sensação de como é voltar ao passado, ter uma vida totalmente natural”, disse ela. “As redes influenciam muito a vida das pessoas hoje e, às vezes, o que você vê na internet não é verdade. Então, a cada dia que passava com o trabalho me consumindo muito, eu tinha mais certeza que tinha uma parte que era real, de verdade, mas tinha outra parte que não tava me fazendo bem. Eu precisava me desligar do mundo”, contou.

“Quando eu sabia alguma coisa sobre os shows, é porque eu falava com ela [Simone]. Ou quando estava no hospital e a assessora me dizia: ‘ela estava muito emotiva e os fãs começaram a chorar’. Soube também que os fãs fizeram máscaras do meu rosto. Esse foi o tipo de coisa que eu recebi. Mesmo sabendo o tamanho do sofrimento da Simone cantando só, eu também estava sofrendo muito em cima de uma cama. Então, naquele momento, a única coisa que me importava era ficar bem, porque a vida inteira eu sempre trabalhei em prol da gente, com todo amor e dedicação, e não parei antes pelo medo de deixa-la cantando sozinha”, desabafou.

“Eu sempre pensava em tudo e não para mim. Então chegou o momento de olhar pra mim e foi agora. São quatro meses afastada do palco, meses de aprendizado que eu posso agradecer por tudo o que vivi”, completou.

Simone, que teve que segurar a carreira sozinha enquanto a irmã se recuperava, também aprendeu muito com isso. “Eu aprendi que ‘ô dinheiro difícil de ganhar sozinha’”, brincou. “Eu sempre soube que a gente era tampa e panela, uma a cópia da outra. Deus colocou as duas no mundo para sermos irmãs, companheiras, e termos o mesmo talento. No momento que eu me vi só, sem a Simaria, foi muito difícil pra mim. […] Serviu para muito aprendizado, apesar de tudo. Aprendi que é preciso desacelerar, até porque tudo ficou pra cima de mim, houve um esgotamento, e isso me fez enxergar que não dá pra viver nesse ritmo”, afirmou.

A ideia, agora, é seguir com um ritmo de carreira bem mais leve. “Se a gente não tomar esse cuidado e não resgatar o melhor da vida, acontecem coisas sérias como a doença, a depressão, como artistas que usam drogas… Sem Deus seria muito difícil segurar essa rotina. Eu vi que foi preciso desacelerar para ter uma qualidade de vida”, falou Simone. Agora a dupla fará três shows por semana – sexta-feira, sábado e domingo.