Rouge desabafa sobre lembranças do passado

27/02/2018 às 09:33.

Saudade do irmão falecido, fascínio pela mãe que via pouco, lembranças do avô… Integrantes da girlband abrem o coração

O grupo Rouge, que lançou o clipe da música Bailando no começo de fevereiro e já bateu 6 milhões de visualizações, topou o desafio de responder perguntas hipotéticas ao Tô Contigo!, canal da Contigo! no Youtube. Durante a entrevista, as meninas fizeram revelações íntimas, profundas e cheias de saudade.

Questionada sobre com quem, entre as pessoas que já morreram, Li Martins gostaria de reencontrar, ela foi taxativa: “Meu avô. Ele morreu quando ela tinha 14 anos. O admirava muito e ficava muito ansiosa para encontrá-lo. A maior lembrança tenho é da gente nos karaokês da vida cantando em japonês”, contou.

Lu Andrade também relembrou de um ente querido que se foi. Quando ela tinha apenas três anos, perdeu um irmão mais velho. “O mais louco é que ele morreu no dia 11 de fevereiro. O mesmo dia em que eu saí do Rouge (anos depois). E a minha mãe dizia que ele era o meu anjo”, desabafou a loira.

Fantine relatou o encanto que tinha pela mãe, que estava sempre muito arrumada e chamava sua atenção pela beleza. “Eu tinha um fascínio pela minha mãe, que trabalhava muito. Raramente a via. Eu vivia dentro do armário dela”, entregou a cantora.