Ao Vivo

Restaurante japonês funciona dentro de tubo de ônibus

25/07/2017 às 14:35.

Espaço temático inaugurou em dezembro do ano passado, no Portão, com decoração e menu que homenageiam a capital paranaense.

NoTubo Sushi, como o próprio nome diz, fica instalado em um tubo do transporte coletivo. Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo.

Que tal aproveitar uma refeição dentro de um tubo de ônibus estilizado? Essa é a proposta do Notubo Curitiba, restaurante de comida japonesa no bairro Portão, ao lado do Shopping Total. Inaugurado em dezembro do ano passado, o espaço é perfeito para os amantes de Curitiba. Além de estar localizado dentro do tubo que é símbolo do transporte da capital, o chão do ambiente é estampado com petit pavet e os pratos vêm dentro de caixinhas ilustradas com pontos turísticos da cidade.

O restaurante foi uma alternativa encontrada por Marcel Chorobinski para driblar a crise. Atacadista de peixe, ele já havia comandado outro restaurante japonês e feito cursos de sushiman. “A ideia do Notubo é homenagear a cidade e isso está atraindo o público. Mas é claro que não basta ter uma ideia original, a comida também tem que ser boa”, ressalta o chef e proprietário.

Curitiba já teve outro restaurante japonês chamado NoTubo que funcionava na Av. Visconde de Guarapuava no sistema à buffet. A diferença é que o local, apesar do nome, não ficava em um tubo de transporte coletivo. O novo NoTubo não tem nenhuma ligação com o antigo empreendimento.

Cardápio do Notubo

Carne de onça de atum é um dos destaques do cardápio. Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo.

Apesar de funcionar no sistema fast-food das 11h às 23h, a casa trabalha com ingredientes sempre frescos. O menu, que inclui sushis, temakis, sashimis e combinados, também homenageia a cidade de Curitiba.Os pratos são servidos em caixinhas de papel para tornar o atendimento mais ágil.

Filadélfia especial selado com geleia de pimenta. Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo.

Também são muito pedidos os temakis, que podem ser customizados, com peixe e molhos à escolha do cliente. O salmão filadélfia (R$ 14,90) e de tilápia crocante são os mais vendidos. Entre os sushis, destacam-se o Filadélfia especial selado com geleia de pimenta (de R$ 13,90 a R$ 24,50) e o Chips dyo (de R$ 13,90 a R$ 31,90), gumkamaki envolto em salmão com cream cheese, chips de batata doce, molho teriyaki e gergelim.

Yakissoba de carne e legumes. Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo

Completam o cardápio as porções de gyoza (R$ 18, seis unidades), Big balls (R$ 15, oito unidades), bolinhos de peixe com cream cheese e cebolinha, e Tuna balls (R$ 15, oito unidades), bolinhos de atum com cream cheese e cebolinha. Também há porções de camarão crocante, tilápia, lula dorê, ceviche e gohan (arroz branco).

Para beber, há saquê (R$ 14,90 a dose) e chás naturais com essências de limão siciliano, romã, maçã verde e frutas vermelhas (R$ 5, 400 ml).

Expansão

Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo.

A ideia do proprietário do Notubo é expandir o negócio para uma rede de franquias no ano que vem. “Essa é a Estação Portão. Nós queremos fazer várias lojas em bairros diferentes, assim como os tubos de ônibus. E todas terão sempre ingredientes frescos”, adianta Chorobinski.

Serviço

R. Itacolomi, 285, Portão. (41) 3045-1717. Funciona de segunda a sábado das 11h às 23h.

Via: Gazeta do Povo