Ao Vivo

R$ 3 milhões: gerente de loja foge com raspadinha milionária de cliente idosa

08/09/2021 às 12:00.

Uma idosa de 70 anos tirou a sorte grande numa raspadinha, mas não viu a cor do dinheiro. O motivo: o gerente da loja fugiu com o bilhete, cujo prêmio é de mais de R$ 3 milhões. A história aconteceu na última sexta-feira (03), em Nápoles, na Itália. Mas o malandro, se deu mal e foi pego pela polícia.

O comerciante espertinho foi detido no aeroporto de Roma-Fiumicino, prestes a embarcar para a Espanha. A prisão aconteceu na segunda-feira (06), mas ele não estava com o bilhete e as buscas continuam. 

A idosa foi até a tabacaria e comprou duas raspadinhas por 10 euros (cerca de R$ 61). A primeira, não estava premiada, mas a segunda mostrou o prêmio de meio milhão de euros. Ela, então, confirmou com um funcionário do local que tinha vencido.  Mas, a alegria durou bem pouco. 

O rapaz parabenizou a mulher e passou o bilhete vencedor para o dono da estabelecimento, que deveria iniciar o processo de pagamento do prêmio. Mas, homem identificado apenas como G.S., de 57 anos, pegou o papel, inesperadamente saiu em disparada, subiu em sua moto e desapareceu do mapa. Coitada da senhorinha! 

Foram os próprios funcionários da tabacaria que denunciaram a situação e a polícia começou as buscas emitindo vários alertas. A comoção popular foi tanta, que mobilizou toda a polícia italiana e de países vizinhos. 

Segundo o site G1, o comerciante foi para a cidade de Latina, entre Nápoles e Roma, para depositar o bilhete premiado em um banco e poder retirá-lo mais tarde. 

Ele foi detido pela polícia de fronteiras no aeroporto, com uma passagem de avião para as ilhas Canárias, na Espanha. Nesse momento, ele ainda disse que queria denunciar uma mulher que o acusava de ter roubado seu bilhete. 

A Promotoria italiana abriu uma investigação por roubo agravado, e suspendeu a licença da tabacaria. A Justiça também ordenou a apreensão do cupom.

Já a empresa responsável por emitir o bilhete premiado informou que vetou a venda de toda a série da raspadinha e bloqueou os pagamentos até a situação ser esclarecida.  

Por Alexandra Fernandes com informações G1