Pianista toca para elefantes idosos, deficientes e emociona.

15/10/2018 às 09:56.

Um verdadeiro encantador de elefantes. Assim é um pianista britânico que dedica seu tempo a levar música para elefantes debilitados e idosos.

Paul Barton, de 57 anos, é Yorkshire, no Reino Unido e desde 2011 toca composições de artistas como Bach e Beethoven ao ar livre, próximo aos animais. Ele garante que sua música ajuda a reabilitar os animais.

Os elefantes do Elephants World, um santuário perto de Kanchanaburi, na Tailândia, ficam livres, ao lado do piano enquanto Paul toca. Alguns parecem querer dançar, outros parecem hipnotizados.

“Quase todos os elefantes reagem à música de maneira visível. Há um movimento repentino quando a música começa”, diz Paul.

“Os elefantes ficam livres para andar em volta do piano. Eles não ficam acorrentados ou amarrados. Se eles não gostam da música, eles podem simplesmente se afastar. Alguns elefantes chegam muito perto do piano por conta própria. Eles podem até mesmo colocar a tromba sobre o piano”, conta o músico.

“Alguns seguram a tromba quando escutam; outros começam a balançar com o ritmo da música. Os mais jovens ficam muito surpresos com o som e de repente correm ao redor do piano, curiosos.”

Elefante cego

O primeiro elefante a se encantar com a música de Barton foi um elefante cego chamado Plara.

Quando ouviu a música pela primeira vez, ele parou de comer e ficou imóvel, parecia fascinado pelo som.

Paul toca peças clássica para os 28 elefantes que, segundo ele, têm gostos musicais diversos.

Ele deixa de fora as partes das composições que não despertam interesse no público diferenciado.

Macacos

Os macacos selvagens também costumam assistir ao trabalho do pianista, sentados em grupos nas rochas próximas.

Paul aprendeu a tocar piano sozinho desde muito jovem.

Depois de ouvir uma peça do compositor alemão Schubert, o amante dos animais decidiu o que ele queria fazer.

Foi então que se matriculou na Royal Academy of Arts, em Londres, para estudar música.

Veja que coisa mais linda é a interação dele com os animais:

Com informações News24

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde