Página falsa da Cohab no Facebook aplica golpes em Curitiba

06/02/2018 às 07:57.

Perfil que se passava pela companhia na rede social era usado para conseguir dados de usuários. Cohab afirma que centenas de pessoas passaram seus dados pessoais ao grupo.

Página falsa da Cohab no Facebook era usada para conseguir dados de usuários. Foto: Divulgação.

Página falsa da Cohab no Facebook era usada para conseguir dados de usuários. Foto: Divulgação.

Golpistas utilizaram um perfil falso em nome da Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab) para conseguir dados pessoais de usuários. Na página criada no Facebook, eram oferecidas inscrições para adquirir supostos imóveis da Cohab, algo que o programa habitacional do município não faz pelas redes sociais. Centenas de pessoas foram enganadas. Em casos como esse, a instituição orienta os curitibanos a procurarem imediatamente os canais oficiais da instituição para confirmar a veracidade das postagens e denunciar fraudes.

De acordo com o presidente da Cohab, José Lupion Neto, nesse caso, os criadores da página falsa pediam que os interessados em adquirir os imóveis deixassem nome e telefone nos comentários para, logo depois, darem continuidade ao processo de aquisição da moradia. “Eles utilizaram a logomarca e o nome da Cohab para dar credibilidade ao negócio”, disse.

Segundo ele, centenas de pessoas passaram seus dados pessoais ao grupo, e a Cohab precisou entrar em contato com o Facebook a fim de denunciar a ação. A página foi retirada do ar, mas não há confirmação de quanto tempo ela operou em funcionamento e nem do real estrago causado por ela.

Página oficial

A única página oficial do programa habitacional de Curitiba no Facebook é a cohabcuritiba, onde “são divulgadas matérias jornalísticas com as obras e realizações da instituição e também esclarecimentos à população.

Mas o presidente da entidade reforça que não existe inscrição pelas redes sociais e nem convocações para empreendimentos, já que estas ocorrem sempre por correspondência oficial da companhia. Na carta, o inscrito é informado a respeito da data e horário em que ocorrerá a reunião explicativa a respeito do empreendimento de interesse.

Inscrições

Para ser convocado, o cidadão precisa estar inscrito no cadastro de pretendentes a imóveis populares, a chamada fila da Cohab. A inscrição deve ser feita em uma das agências da Cohab distribuídas nas dez administrações regionais da cidade, ou então no site oficial da companhia.

Mais informações podem ser obtidas por meio do Alô Cohab (0800-41-3233) – entre 9h e 15h – ou do Falecom, disponível no site da companhia.

Via: Tribuna do Paraná