Organização Mundial de Saúde classifica vício em videogames como doença

19/06/2018 às 15:09. Comente esta notícia!

A Organização Mundial de Saúde (OMS) incluiu nesta segunda-feira (18) a obsessão por videogames como um dos problemas de saúde mental que constam na 11ª Classificação Internacional de Doenças (CID).

Foto: Pixabay

A última revisão do manual de classificação de doenças da OMS descreve a compulsão por jogos eletrônicos como um “padrão de comportamento persistente ou recorrente” podendo se tornar tão intenso que “toma a preferência sobre outros interesses da vida”.

A OMS alerta que a classificação de “gaming disorders” poderão ajudar os governos, pais e autoridades de saúde a identificar os riscos. A agência de saúde da ONU afirma, porém, que esses casos são muito raros, atingindo menos de 3% dos gamers.

Em alguns países a condição já era considerada um problema. Muitos, incluindo o Reino Unido, têm clínicas autorizadas a tratar o distúrbio.