Ao Vivo

O motivo pelo qual você deve parar de usar óleo de coco nos cabelos

09/04/2020 às 11:28.

Quem aqui lebra da febre do óleo de coco no universo da beleza levanta a mão! Esse umectante é usado principalmente como um poderoso ativo hidratante para os cabelos e até mesmo na pele. Porém, segundo estudo publicado pela Universidade de Princeton (Nova Jersey, EUA), ele pode ressecar determinados tipos de cabelos e deixá-los com aquela sensação frustrante de fios duros.

No estudo, 224 voluntárias foram divididas em dois grupos de 112 pessoas: um só com mulheres que usam tinta ou equipamentos como chapinha e baby liss nos cabelos e outro com as de cabelos “virgens” e sem interferência externa para a modelagem. Após um mês de uso semanal de óleo de coco, todas do primeiro grupo tiveram melhora na qualidade dos fios, enquanto 94 do segundo grupo declararam que seus fios estavam secos e sem movimento.

Segundo os especialistas, isso ocorreu porque o óleo de coco penetra nos fios e ajuda a preencher o interior deles – em alguns casos, até demais. Principalmente quando o óleo usado foi o de cozinha, e não  a gordura de coco de grau cosmético. Isso porque, os óleos minerais comuns, que estão na maioria dos cremes que compramos prontos, agem nas cutículas dos fios, enquanto o óleo de coco entra no córtex deles. Veja mais abaixo:

Óleo de coco é bom para fios secos?
“Se os fios estão com as cutículas abertas por causa de chapinhas, escovas quentes, tintura ou pontas duplas, o óleo de coco ocupa um espaço necessário e é realmente maravilhoso. Mas quando esse fio está saudável e não precisaria de maciez extra, só da hidratação normal da água, o óleo de coco fecha totalmente suas cutículas e ele fica duro pois a água não tem espaço para entrar”, diz hairstylist Ross Charles à Glamour US.

Então o que óleo de coco faz por nosso cabelo?

“As pessoas normalmente usam o óleo de coco como hidratante, mas eu costumo dizer que quando os fios necessitam desta hidratação, eles estão com sede e precisam de água. E vamos analisar: água e óleo não se misturam. O óleo repele a água e impede que ela chegue ao fio”, explica.”Ele acaba se tornando um top coat (assim como usamos nas unhas) dos fios”, finaliza.

O que devemos usar no lugar?

“Ao invés de usar o óleo de coco para controlar o frizz, por exemplo, procure produtos com baico ph. Desta maneira, a cutícula do fio se mantém no lugar — normalmente nos cabelos secos e emaranhados a cutília se sobrepõe uma a outra”, diz. “Na dúvida, vá de mascaras capilates específicas para o seu tipo de cabelo”.

Via: Glamour