Mulher evita estupro usando tática que aprendeu semanas ante

14/03/2017 às 14:10.

A americana Kelly Heron conseguiu escapar de uma tentativa de estupro usando táticas de defesa pessoal que havia aprendido semanas antes, no trabalho. O caso aconteceu em Seattle, nos Estados Unidos.

My biggest running nightmare became reality- 4 miles into my long run Sunday afternoon, I stopped to use the restroom and was assaulted by a man hiding in a stall (that is my GPS in red lines). I fought for my life screaming("Not today, M**F**er!"), clawing his face, punching back, and desperately trying to escape his grip- never giving up. I was able to lock him in the bathroom until police arrived. Thankfully I just took a self-defense class offered at my work and utilized all of it. My face is stitched, my body is bruised, but my spirit is intact. #fightingchanceseattle #ballard #runnersafety #marathontraining #womensselfdefense #myballard #fightlikeagirl #fightback #dontbeavictim #nottodaymotherfucker #youcantbreakme #instarunners #garmin #garminvivosmarthr

A post shared by Kelly Herron (@run_kiwi_run) on

Depois do susto, ela publicou no Instagram um relato de alerta para outras mulheres. “Meu maior pesadelo tornou-se realidade – em uma corrida de 6,5 km na tarde de domingo, eu parei para usar o banheiro e fui atacada por um homem que se escondia em uma das cabines”, escreveu na montagem que mostrava o rosto ferido e o caminho que havia percorrido no parque

“Lutei por minha vida gritando (‘Hoje não, filho da p*!’), arranhando seu rosto, socando as suas costas e desesperadamente tentando escapar de seus braços, sem nunca desistir. Eu consegui trancá-lo no banheiro até a polícia chegar. Felizmente, só precisei de uma aula de defesa pessoal no meu trabalho e utilizei tudo o que aprendi. Meu rosto levou pontos, meu corpo está machucado, mas meu espírito está intacto“, completou.

Via:vejasp