Ao Vivo

Matinhos abre praia para o feriadão, mas proíbe cadeiras e guarda-sóis na areia

02/09/2020 às 07:55.
Praia de Matinhos. Foto: Albari Rosa / arquivo Gazeta do Povo
Diante da possibilidade de alto movimento nas praias paranaenses no feriado da Independência, no dia 7 de setembro, a prefeitura de Matinhos publicou nesta segunda-feira (31) um decreto para a reabertura gradual do comércio e utilização da praia, mas com restrições. De acordo com o decreto, fica proibida qualquer tipo de estrutura de permanência na areia, como cadeiras, guarda-sóis e caixas térmicas.

As novas regras são uma tentativa da prefeitura de diminuir o contágio do novo coronavírus no Litoral. No último fim de semana, nos dias 29 e 20, o calor e sol lotou a praia e o calçadão das praias de Matinhos. Muitos visitantes ignoraram o uso das máscaras na praia e se aglomeraram na faixa de areia.

A prática de atividades esportivas também devem seguir regras. O decreto da prefeitura libera apenas práticas individuais, sendo vedada os esportes em dupla ou em grupos tanto na água quanto na areia. Ambulantes devem utilizar máscaras, disponibilizar álcool em gel e ficam incumbidos de orientar seus clientes a não realizar nenhum tipo de aglomeração.

A colocação de mesas, cadeiras e guarda-sóis pelos ambulantes também ficou vedada. A prefeitura ainda informa no decreto que os quiosques da praia devem manter um cordão/faixa limitadora para garantir o distanciamento de 1,5 metro entre atendentes e clientes. Os ambulantes que trabalham no calçadão estão liberados para trabalhar das 8 às 22 horas.

Funcionamento do comércio e restaurantes

O comércio, com o novo decreto, deve seguir o horário de funcionamento específico. Serviços e atividades não essenciais podem funcionar até às 19 horas no sábado e 17 horas no domingo. Os serviços essenciais como farmácias, postos de combustível, postos de saúde, podem funcionar sem restrição de horário.

Restaurantes e lanchonetes ficam permitidos de abrir aos sábados e domingos, das 11 às 16 horas, e das 18 às 22 horas. Os estabelecimentos devem respeitam lotação máxima permitida de 50% da capacidade. A comercialização de bebidas alcoólicas fica vedada durante o fim da noite e madrugada, das 22 às 6 horas. O consumo de álcool em via pública segue com proibição também no mesmo horário.

O decreto enfatiza que o funcionamento de bares e casas noturnas, excursões, reuniões coletivas e festas com qualquer número de pessoas seguem proibidas em Matinhos. O descumprimento implicará na responsabilização civil e criminal do responsável do alvará.

Via: Tribuna Do Paraná