Marcelo Adnet e Fabíula Nascimento dublam vídeo com sotaque paranaense

22/02/2018 às 14:24.

Programa do apresentador fez uma sátira com o Paraná. Quadro contou com participação da atriz paranaense Fabíula Nascimento.

Programa da TV Globo usou sotaque e personagens paranaenses em um de seus quadros. Foto: reprodução/Youtube.

Programa da TV Globo usou sotaque e personagens paranaenses em um de seus quadros. Foto: reprodução/Youtube.

O programa Tá no Ar: a TV na TV, exibido nesta terça-feira (21) pela Rede Globo, fez uma sátira com o Paraná. Em analogia ao estúdio de cinema norte-americano Paramount Pictures, o humorista Marcelo Adnet e a atriz curitibana Fabíula Nascimento exibiram produções feitas pelo Paranamount Channel, cujo logo trazia o Jardim Botânico da capital do estado.

A piada consistia em dublagens com sotaques e gírias paranaenses, gravadas nos estúdios Beto Richards – obviamente uma referência ao governador Beto Richa (PSDB) e aos estúdios Herbert Richers.

Abusando do R forçado, do tradicional “piá”, do E acentuado no final das palavras e do termo “daê”, os atores dublaram três clássicos do cinema: Um Lugar Chamado Notting Hill, Forrest Gump – O Contador de Histórias e O Sexto Sentido.

“Minha mãe ficava loqueando dizendo que a vida é como um copo de leite quente… nunca se sabe se vai doer o dente”, diz Forrest, na clássica cena em que Tom Hanks está sentado em um banco de praça.

Já na cena mais conhecida de O Sexto Sentido, em que o garotinho diz a Bruce Willis que vê gente morta, a dublagem cita: “Eu vejo uns piá morto, daê. Vorteando que nem gente comum, daê”.

Assista ao vídeo no site da TV Globo.

Via: Tribuna do Paraná