Ao Vivo

Mamães apostam em método inesperado para acelerar o parto: dançam “Despacito”

06/07/2017 às 09:09.

“Trinta e sete semanas, sete centímetros de dilatação e nada de Nicole sair. O que tem para hoje é ‘Despacito'”, escreveu uma das mulheres

Duas mamães estão fazendo muito sucesso na internet. O motivo? Em um vídeo que já foi visto mais de 1,3 milhão de vezes no Facebook, a dupla dança ao som do hit “Despacito”, do porto-riquenho Luis Fonsi. E por recomendação médica. O caso ocorreu na Maternidade José Maria de Magalhães Neto, no bairro de Pau Miúdo, em Salvador.

A coreografia simples, mas divertida, foi usada para ajudar na dilatação de colo de útero das gestantes e, é claro, para facilitar no nascimento das crianças.

A técnica de enfermagem Evellin Costa, de 23 anos de idade, e a vendedora Caroline Pereira, de 26 anos, foram orientadas a fazer agachamentos e dança. “37 semanas, 7 centímetros de dilatação e nada de Nicole sair. O que tem para hoje é ‘Despacito’ para ver no que vai dar“, diz a mensagem publicada por Evellin em seu perfil no Facebook. “Dançando ‘Despacito’ para ver se chega aos 10 centímetros!“, finaliza o recado. Assista: 

37 Semanas, 7 centímetros de dilatação e nada de Nicole sair . O que tem para hoje Despacito para vê no que vai dá. "DANÇANDO DESPACITO PRA VER SE CHEGA AOS 10 CENTÍMETROS!"Coreografia: Daniel Saboya#VemNicole #maeamormaior #mamae2017Emily Costa Ewerton Souza Wellington Costa Nádia S. S. Costa Marilene Marna Samuel Barbosa Marcela Earl Joyce Barbosa Valéria Bacelar Cristian Costa Karol Pereira Naiara Silva Jaqueline Rodrigues Lavinia Santana

Posted by Evellyn Pimentinha on Monday, June 19, 2017

Ao G1, Evellin revelou que questionou as enfermeiras como poderia acelerar o processo de dilatação: “Elas falaram que eu poderia ficar à vontade, poderia tomar um banho quente, poderia fazer agachamento, fazer da forma que eu quisesse. Como eu gosto de dança, preferi dançar!“, revelou. “Como eu também estava querendo ter o meu filho logo, não aguenta ficar aqui dentro da maternidade. A minha médica pediu para eu andar, fazer agachamento, então eu fui na ideia dela e a gente foi fazer o vídeo“, completou Caroline sobre a ideia inusitada.

Antes de dançar ao som de “Despacito”, Evelli estava com uma dilatação de sete centímetros – são necessários dez para o parto. Após a publicação do vídeo, sua primeira filha, Nicole Emanuele, nasceu em dois dias. Já Caroline tinha dilatado, até então, apenas quatro centímetros.

Quatro dias após a gravação do “videoclipe”, ela deu à luz o segundo filho, Antoni Eduardo. A diretora da maternidade, Karine Valverde, revelou ao G1 que a unidade médica estimula as grávidas a escolherem métodos para facilitar a saída do bebê: “Elas são estimuladas a escolher como se movimentar. Escolher bola, cavalinho, tudo isso objetivando o protagonismo, o alívio da dor e a redução de tempo prologando do trabalho de parto

Via: Veja SP