Ao Vivo

Mais brasileiro, Silva volta ao Lollapalooza sem ‘tentar ser primo pobre do Frank Ocean’

29/03/2019 às 15:33.

Quando cantou pela primeira vez no Lollapalooza, em 2014, Silva tinha a sensação de que o show seria um teste, e o público, uma espécie de banca de avaliação.

Na época, havia acabado de lançar seu segundo disco, “Vista pro mar”. E uma das preocupações era o desejo de “soar internacional”. O tipo de pretensão “de gente que é muito nova”, ele hoje avalia.

Em 6 de abril, o cantor capixaba de 30 anos volta ao festival, em fase brasileiríssima. Seu último álbum, “Brasileiro”, bem mais cheio de maresia, o colocou no centro da nova MPB pop, com a ajuda de uma estratégica parceria com Anitta:

Via G1