Mães apostam em maquiagem para a hora do parto

03/07/2019 às 08:53.

A tendência tem ganhado força entre as mães e os motivos são vários. Veja o que especialistas dizem sobre o assunto

mãe maquiagem grávida (Foto: Getty Images)

Como se preparar para o dia do nascimento do seu filho? São vários cuidados: arrumar uma mala com itens para você e para o bebê, conferir o trajeto até a maternidade escolhida, avisar as pessoas próximas e… a maquiagem. Sim, a beleza tem ganhado espaço na lista de afazeres pré-parto para muitas mães. Algumas contratam até maquiadores profissionais para garantir que estarão lindas no grande momento. A tendência tem crescido principalmente entre influenciadoras e blogueiras de moda.

Uma pesquisa feita pela empresa de cosméticos online Cosmetify entrevistou 2 mil mulheres britânicas, entre 18 e 21 anos de idade. A maioria deles (64%) afirmou ter feito algum tratamento de beleza antes de entrar em trabalho de parto, os procedimentos mais comuns foram depilação (65%), manicure (57%), pedicure (43%), uso de spray bronzeador (37%) ou secar, cortar e modelar o cabelo (32%).

Parte das mulheres entrevistadas afirmou que a maior preocupação gira em torno de estar bonita para as fotos durante o parto. Outras explicaram que gostariam de se sentir mais apresentáveis para receber as visitas, sem aparentar tanto cansaço.

Esse tema já havia se tornado polêmica no final de 2018, após a postagem de um vídeo feito por uma blogueira americana. Na publicação, a influenciadora Alexisjayda aparece na maca do hospital, fazendo sua maquiagem para o parto. Durante um trecho do vídeo, ela interrompe a maquiagem algumas vezes, por conta das contrações. Nos comentários, vários internautas criticaram a atitude da blogueira, mas uma parcela se identificou. Algumas das mulheres que opinaram disseram estar acostumadas a utilizar maquiagem no dia-a-dia e afirmaram que se sentem mais confortáveis assim. Para algumas, inclusive, a distração de se maquiar ajudava nas dores.

Blogueira Alexisjayda (Foto: Instagram)

Empoderamento na hora do parto

Ainda que em um primeiro momento essa opção possa causar estranhamento para alguns, a maquiagem durante o parto não deve ser tratada necessariamente como algo negativo. Para a psicóloga Patricia Bader, do Hospital São Luiz (SP), isso pode indicar um movimento de empoderamento da mulher durante o parto. “A maquiagem, junto com a forma como a mulher se apresenta nesse momento, aponta para uma retomada do protagonismo dela na cena do parto”, explica. Para a especialista, essa deve ser uma das escolha às quais a mulher tem direito durante esse momento tão delicado e cheio de emoções.

Assim, se estar maquiada já é uma coisa normal para a mulher, não há problema nenhum em levar esse universo para dentro da sala de parto, se isso ajuda a criar um ambiente seguro para ela. “O parto não é um lugar ruim, não é um lugar de ameaça, é um lugar de bons encontros. A mulher deve decidir como quer estar”, defente Bader.

O limite, segundo a psicóloga, é quando isso não faz sentido para a mulher e estar maquiada deixa de ser uma escolha e torna-se uma pressão. Não ter consciência de que o parto é um momento repleto de espontaneidade pode trazer problemas para o relacionamento entre a mãe e a criança. “Quando a mãe não suporta outro jeito de receber esse bebê, pode haver desdobramentos psíquicos severos, um estranhamento, um ressentimento que recai na relação com o bebê. Ela deve se lembrar do primordial: o nascimento da criança”, conclui.

A forma como cada mulher se sente confortável durante esse momento é muito pessoal. Assim, é preciso ter empatia para enxergar que existem caminhos e maneiras diferentes de trazer uma criança ao mundo. E você, usou maquiagem durante o parto?

Via: Revista Crescer