Ao Vivo

Mãe faz vídeo de alerta na web: “Então, você acha que as cercas são seguras”

23/01/2020 às 10:17.

A australiana Krystal Hill gravou o filho de 3 anos subindo em um carrinho e abrindo a grade de proteção da piscina. O vídeo de alerta teve 30 mil compartilhamentos em menos de uma semana

Menino sobe em carrinho e abre grade de proteção da piscina (Foto: Reprodução Facebook)

“Então, você acha que as cercas de piscina são seguras! Eu vi o meu filho de 3 anos, que não sabe nadar de forma independente, subir e abrir o portão da piscina. Depois, ele e sua irmã mais nova entram para a área da piscina. Estou um pouco chocada no momento”, escreveu a mãe de dois, Krystal Hill, da Austrália, em suas redes sociais na última sexta-feira (18). Com o texto, ela publicou também um vídeo, em que mostra a nova façanha do menino.

Rapidamente, o vídeo se tornou viral e foi compartilhado mais de 30 mil vezes. “Nossa, isso é assustador, as crianças conseguem perceber as coisas mais rápido do que nós adultos”, escreveu uma pessoa. “O meu tem uma fechadura com chave”, alertou outra. Após a repercussão, a mãe fez um novo post. Krystal disse ter recebido muitas mensagens de agradecimento por ter compatilhado o vídeo e aumentar a conscientização. “Muitos me enviaram ideias para aumentar a segurança. Também compartilharam suas histórias de perder um filho ou um neto em sua piscina. A maioria dessas crianças escalou a cerca da piscina e subiu por cima dela ou colocou cadeiras e outros objetos contra a cerca. Eles nem usaram o portão. Estou tão triste com isso. Se isso (o vídeo) impede que ao menos uma criança se afogue, então eu fico feliz”, escreveu.

Veja, abaixo, o vídeo publicado pela mãe nas redes sociais (se não conseguir visualizar, clique aqui).

So you think pool fences are safe! I watched my 3 year old who cant swim independently yet, climb up and open the pool gate and then let himself and his little sister into the pool area. I am in a bit of shock at the moment! 😓 And yes I sat back and watched it happen because I wanted to see if he could actually open it and I have filmed it to show parents that sometimes just a pool gate isn’t enough. We will now be padlocking the gate but this is still no guarantee. They can’t be out the back without full supervision anymore and if I’m busy doing something else Inside I will be locking the back door. I am a bit shaken up over this. Far out. 😱

Posted by Krystal Hill on Friday, January 17, 2020

SEGURANÇA NA PISCINA

No Brasil, de acordo com a ONG Criança Segura, os afogamentos são a segunda principal causa de morte entre crianças de 1 a 14 anos, ficando atrás apenas dos acidentes de trânsito. Segundo Cid Pinheiro, pediatra do Hospital São Luiz (SP), os afogamentos podem ser evitados dificultando o acesso a piscina. De acordo com o pediatra, as piscinas devem ser cercadas completamente por grades de, no mínimo, 1,5m, e as portas de acesso devem ser fechadas com cadeados ou travas de segurança.

Outras medidas complementares também contribuem com a segurança, como capas próprias para piscina e alarmes. Em alguns estados norte-americanos, por exemplo, alarmes que disparam toda vez que alguém entrar na área da piscina são obrigatórios. É importante também não deixar brinquedos ou qualquer tipo de atrativo perto do local. A Kidsafe Australia também alerta para que os pais procurem por objetos escaláveis ​​na área próxima às barreiras da piscina e os mantenham sempre longe.

Além disso, segundo as orientações da Academia Americana de Pediatria, as crianças devem usar sempre coletes salva-vidas enquanto estiverem perto de lugares com piscina, lagos, rios e mares; os pais nunca devem deixar as crianças sozinhas ou sob os cuidados de outra criança enquanto estiverem em ou perto de banheiras, piscinas e praias; e mesmo com crianças mais velhas e que saibam nadar, o adulto deve se concentrar na criança e não se envolver com outras atividades que causem distração.

Via: Revista Crescer