Ao Vivo

Lula diz que não tem que prestar contas a ‘banqueiro’ ou ‘ricaço’, mas sim ao pobre

2 de julho de 2024

Foto: Reprodução/CanalGov

Por g1

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou em discurso na noite desta segunda-feira (1°) que não tem que prestar contas a “banqueiro” ou a “ricaço”, mas sim ao povo pobre do país.

A fala de Lula é mais uma que uma presidente dirige em tom de crítica ao mercado financeiro. Esse tipo de declaração tem sido comum nos últimos dias.

Nesta segunda, o dólar fechou o dia cotado a R$ 5,65, maior valor em dois anos e meio. A alta do dólar é atribuída, em certa parte, a essas declarações recentes de Lula. O mercado as vê como interferência da política na economia e como um sinal de descontrole nos gastos públicos.

“Não tenho que prestar contas a nenhum ricaço desse país, a nenhum banqueiro. Tenho que prestar contas ao povo pobre, trabalhador deste país, que precisa que a gente tenha cuidado e que a gente cuide deles”, declarou Lula em evento em Salvador, no qual a comitiva do governo federal anunciou investimentos na Bahia.

Saiba mais