Livro do ‘menino do Acre’ entra na lista dos mais vendidos no Brasil

30/08/2018 às 14:50. Comente esta notícia!

O primeiro livro do estudante Bruno Borges, desaparecido desde o dia 27 de março de 2017 no Acre, foi publicado em 21.jul.2017 e na semana seguinte já era um dos mais vendidos do país. A publicação TAC: Teoria do Conhecimento foi a 20ª mais procurada do gênero de não-ficção entre 24 e 30 de julho. Foram vendidos 465 exemplares, diz o site.

O livro é o primeiro das 14 obras criptografadas que Bruno deixou em seu quarto no dia do desaparecimento, além de mensagens nas paredes e uma estátua do filósofo italiano Giordano Bruno (1548-1600).

O sumiço do jovem de 24 anos que morava em Rio Branco foi notícia em todo o país em março. Até hoje não se sabe o que ocorreu. Em buscas, a Polícia Civil encontrou móveis de Bruno na casa de amigos e também contratos estipulando porcentagens do dinheiro de venda dos livros para aqueles que ajudaram o jovem a desaparecer.

A página “Bruno Borges, Estudante do Acre”, no Facebook, informa que os outros livros serão publicados em breve, na ordem que Bruno solicitou antes de desaparecer. Na rede social há também a informação de que “15 mil livros já foram reservados”.

A obra traz o conteúdo dos textos criptografos de Bruno e traz uma teoria sobre como criar e potencializar a absorção de conhecimentos (confira um trecho no final da matéria).

Livro do 'menino do Acre' entra na lista dos mais vendidos no Brasil

No quarto de Bruno Borges, transformado em uma espécie de museu, há uma réplica da imagem de Giordano Bruno. Foto: REDE AMAZONICA ACRE

Em entrevista ao Estado em maio, o delegado Alcino Júnior disse haver “fortes indícios” de um “afastamento voluntário”, o que teria “servido exatamente para que causasse essa publicidade diante da publicação dos livros”.

Com tiragem de 20 mil exemplares, o livro foi lançado oficialmente em 21 de julho pela editora Arte e Vida e está disponível por R$ 24,50. Sugestão de José Petrola.