Ao Vivo

Ladrões invadem posto de saúde no Paraná e roubam vacinas estocadas

03/05/2021 às 08:21.

Ladrões arrombaram um posto de saúde em Porecatu (Norte) e roubaram vários frascos de vacinas, porém, deixaram na unidade as destinadas à imunização contra a covid-19. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, o arrombamento, ocorrido na madrugada desta quinta-feira (29), na Unidade Básica de Saúde (UBS) Maria Cristina Tavian, foi efetuado com um pé de cabra que foi deixado no local. Foram levadas doses de vacinas contra varicela, meningite e tríplice viral.

As vacinas contra Covid-19, 50 de produção da Fiocruz e 10 do Instituto Butantan, não foram levadas pelos ladrões, mas o freezer onde estavam guardadas ficou com a porta aberta. A secretária de Saúde de Porecatu, Laila Giota, não acredita que isso tenha danificado os imunizantes. “O freezer já é programado para quando há queda de energia e tem controle de temperatura. Mesmo assim, a 17ª Regional de Saúde de Londrina vai analisar se ainda poderão ser usadas”, explicou.

Ela acredita que os ladrões poderiam estar interessados nas vacinas contra Covid-19 e teriam levado os frascos errados. “Uma pessoa leiga pode se confundir, porque os frascos são parecidos. Em todo caso, eles são identificados, e foram levadas vacinas de alto valor, com preço acima de R$ 90 por frasco. Pode ser que os criminosos soubessem o que estavam fazendo”, justifica.

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil. Até a tarde desta quinta-feira, 2.193 habitantes de Porecatu haviam recebido a primeira dose da vacina contra a Covid-19 e 1.201 a segunda. O município tem cerca de 13 mil habitantes.

Via: Tribuna Do Paraná