Jovem grávida é morta por namorado após apagar mensagem no celular

 

Um adolescente de 17 anos foi apreendido na noite desta terça-feira, 22, em Ibaté, no interior de São Paulo, sob a acusação de matar a namorada de 22 anos.

O casal morava junto há cerca de quatro meses e o suspeito foi localizado ao lado da Rodovia Washington Luís (SP-310), após parar em um telefone de emergência da concessionária da pista e ligar confessando o crime.

Policiais rodoviários detiveram o rapaz e, na residência onde os dois moravam, localizaram o corpo da vítima, Luana Ramos Vilhena, caído no quarto. Ela teria sido morta após receber e apagar uma mensagem de celular antes que o namorado pudesse vê-la.

Revoltado, ele contou que enforcou e desferiu facadas na companheira, que estava grávida de três meses. O caso foi qualificado no Plantão da Polícia Civil de Araraquara (SP) como feminicídio e o adolescente, encaminhado para a unidade local da Fundação Casa.

De acordo com o delegado Adriano Callsen Alexandrino, o corpo da vítima passou por exames do Instituto de Criminalística que apontarão se a morte foi por asfixia ou por causa dos ferimentos causados pelas facadas.

 

Fonte:  Terra