Ao Vivo

Jovem com Down é o 1º a completar prova de triatlo: o IronMan

12/11/2020 às 09:04.

Foto: Tri Sport Mag

Um jovem americano com síndrome de Down é a primeira pessoa no mundo a completar uma das provas mais concorridas entre os atletas no triatlo: o IronMan.

Chris Nikic tem 21 anos e depois de muita preparação, ele se superou com a conquista histórica, em 42 anos da competição. O jovem mora em Maitland, na Flórida e o sonho de vida dele era superar vários obstáculos antes de chegar ao maior de todos.

Chris fez uma cirurgia cardíaca aos cinco meses de idade, porque não conseguia andar até os 4 anos, nem comer alimentos sólidos até os 5. Ele passou por quatro cirurgias importantes no ouvido aos 17 anos. E ainda luta contra o lento e baixo tônus ​​muscular.https://56fe16ac1e4651b4c504aba8c94a5226.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-37/html/container.html

Mas quando as pessoas dizem a Chris que ele não pode fazer algo, ele simplesmente diz: “Observe-me e vou provar que você está errado”.

No ano passado, ele começou a treinar para o triatlo das Olimpíadas Especiais e adquiriu habilidade e resistência suficientes para nadar 1.000 metros em um lago.

“Foi algo que nunca imaginamos que fosse possível”, disse o pai de Chris, Nik, ao Runner’s World .

Mas o jovem queria ser campeão mundial e depois de saber que ninguém com síndrome de Down jamais havia completado um Ironman, Nik sugeriu a Chris que essa era sua oportunidade.

Iron Man

Em maio deste ano, após meses e meses de treinamento, Chris se tornou a primeira pessoa com síndrome de Down a terminar um meio Ironman.

Em 7 de novembro, ele terminou um Ironman completo.

A corrida inclui uma caminhada de 2,4 milhas, um passeio de bicicleta de 112 milhas e uma corrida de 26,2 milhas.

“Parabéns Chris por se tornar a primeira pessoa com síndrome de Down a terminar um IRONMAN. Você quebrou barreiras ao provar, sem dúvida, que tudo é possível!” escreveu a organização Ironman no Instagram.

Doações

Em colaboração com a IRONMAN Foundation, Chris já arrecadou 40 mil dólares – da meta de 100 mil dólares, cerca de meio milhão de reais – para ajudar causas importantes para ele.

As doações podem ser feitas no site da competição.

Os triunfos de Chris até agora, diz seu técnico e parceiro das Olimpíadas Especiais Dan Grieb, são graças a uma filosofia simples, mas poderosa: apenas melhore 1% a cada dia.

“É fácil ter sucesso porque só preciso melhorar um por cento a cada dia”, diz Chris.

Sua filosofia de 1% se mostrou tão eficaz que agora ele faz discursos motivacionais sobre o assunto.

Futuro

Quanto ao futuro, ele planeja continuar a se desafiar com objetivos ainda maiores.

“É hora de definir uma nova e MAIOR Meta para 2021”, escreveu ele no Instagram após terminar seu primeiro Ironman.

“Seja qual for, a estratégia é a mesma. 1% Melhor a cada dia. SIM, eu fiz o trabalho, mas tinham anjos me ajudando. Deus me cercou de anjos. A melhor parte de tudo. Nova família e amigos. Tudo sobre conscientização e inclusão. Conscientização sobre Síndrome de Down e Special Olympics. Inclusão para todos nós com todos vocês”, disse o verdadeiro campeão da vida.

Via: Só Notícia Boa