Ao Vivo

Jovem achado morto após viajar ao RS mandou áudio se despedindo de família antes de desaparecer

10 de maio de 2024

Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Por g1

Antes de ser levado pela correnteza e desaparecer, o catarinense Carlos Wolfart, que morreu no Rio Grande do Sul após ir ao estado gaúcho para um casamento, se despediu da família. A vítima mandou um áudio para a esposa enquanto aguardava resgate agarrada a uma árvore em meio ao alagamento, contou a irmã.

“Ele ainda falou no último áudio que ele deixou ‘só por Deus, só por Deus’ e pediu para a filha dele cuidar bem da mãe”, declarou a irmã, Milena Wolfart.

Carlos estava desaparecido há oito dias após a enxurrada que atingiu Sinimbu, no Rio Grande do Sul. O corpo dele foi encontrado na tarde de quarta-feira (8), na cidade gaúcha. Natural de Itapiranga, no Oeste de Santa Catarina, ele estava no estado vizinho para ser o padrinho de casamento do cunhado.

A vítima ficou ilhada após sair do sítio onde estava, com a esposa e os dois filhos, para verificar se a passagem até o local onde ocorreria o casamento era viável. Porém, ficou ilhado e chegou a subir em uma árvore antes de ser levado pela correnteza.

Leia mais