João Carlos Martins toca piano pela última vez antes de cirurgia que vai tirar seus movimentos

19/02/2019 às 13:15. Comente esta notícia!

Na noite deste domingo, 17, foi ao ar a última apresentação do João Carlos Martins no Fantástico.

O maestro, que tocava piano, foi acompanhado por Anitta nos vocais ao som de Eu Sei Que Vou Te Amar, composta por Tom Jobim e Vinícius de Moraes.

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR O VÍDEO NA INTEGRA

Antes do show, João Carlos anunciou que aquela era sua despedida da carreira de pianista porque logo iria se submeter a uma cirurgia para tentar acabar de vez com um grave problema nas mãos.

A atitude radical advém das outras 23 cirurgias, que não deram conta de aplacar seu sofrimento ao longo dos anos.

”Fiz a cirurgia na mão direita, cortou o nervo. Só posso usar o polegar a às vezes esse dedo [indicador]. Na mão esquerda, esses três dedos são totalmente fechados, mas a dor foi tão grande que, finalmente, acertamos com os médicos para cortar o nervo. E eu me despeço”, disse durante o programa.

Como resultado, apenas o movimento dos polegares permanecerá. ”Vai cortar alguns segmentos dos nervos e eu vou ficar com as duas mãos praticamente sem condições”, acrescentou.

RELEMBRE

O músico passou por diversos problemas de saúde que implicaram na necessidade de cirurgia. A deficiência nas mãos, no entanto, começou aos 20 anos, quando sofreu um acidente no Central Park, em uma partida de futebol. Ao cair, perfurou o seu braço direito na altura do cotovelo, atingindo nervo ulnar, sofrendo atrofia em três dedos, o que resultou no afastamento do piano por um ano.

Em 1995, na Bulgária, João Carlos Martins sofreu um assalto e foi golpeado na cabeça com uma barra de ferro, ocasionando lesões sérias em seu cérebro, comprometendo o membro superior direito e rompendo a ligação entre seu cérebro e sua mão direita.

FONTE: Caras