Idosa com diabetes aguarda cirurgia de urgência há mais de um mês e corre risco de ter perna amputada

28/02/2019 às 08:23.

Uma idosa de 67 anos está internada no Pronto Socorro de Cuiabá desde o dia 16 de janeiro no aguardo de uma cirurgia de angioplastia periférica e amputação de quatro dedos do pé esquerdo. No entanto, caso a cirurgia demore, Maria Faria de Menezes, que também tem diabetes, corre o risco de ter a perna amputada.

Em nota, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) informou que a paciente aguarda supervisão médica para definir qual dos procedimentos cirúrgicos será realizado primeiro.

Segundo a SES, a Central de Regulação já autorizou os procedimentos e aguarda apenas o parecer médico.

A filha da paciente, Luzineia Gomes de Moraes, conta que a família é de Vila Rica, a 1.276 km de Cuiabá, e a Maria chegou na unidade de saúde precisando amputar apenas um dedo, mas devido a demora na cirurgia, o problema se espalhou.

“O médico já disse que ela pode perder a perna. Ela cortou o dedo no quintal de casa e, por causa da diabetes, formou uma ferida que foi se espalhando”, disse.

Uma decisão liminar favorável da Defensoria Pública Estadual do dia 19 deste mês determinou que a cirurgia fosse realizada até esse domingo (24), mas o prazo não foi cumprido.

De acordo com a Defensoria, foi feito um pedido de bloqueio de bens do estado para que a decisão seja cumprida.

Luzineia ressaltou que a mãe dela não pode esperar muito tempo pelo procedimento, pois a ferida já está se espalhando e ela sente muita dor.

Via: G1