Ao Vivo

Garoto cria protetor de orelha para máscaras e doa a médicos e enfermeiros

24/04/2020 às 11:17.

Imagine passar horas trabalhando com elástico da máscara machucando as suas orelhas. Um escoteiro de Maple Ridge, no Canadá, está recebendo atenção mundial por usar sua impressora 3D para criar um protetor para máscaras cirúrgicas, usadas por médicos e enfermeiros que atendem pacientes da COVID-19.

Foto: reprodução/ Facebook

Quinn Callander, de 12 anos, criou uma tira cheia de dentes para ser colocada na parte de trás da cabeça e segurar os elásticos da máscara.

Heather Roney, a mãe dele, contou que o filho fez centenas desses protetores de orelhas em casa e doou a profissionais de saúde em várias partes do mundo.

O dispositivo, que fica atrás da cabeça – chamado de protetor auricular – tem ganchos presos às tiras de uma máscara e eles ajudam a aliviar a pressão do elástico nas costas das orelhas.

“É tão simples, mas incrivelmente eficaz”, disse Roney.

“Ouvimos de milhares de pessoas que relataram: ‘Essa é a diferença entre trabalhar confortavelmente no seu turno de 12 horas e sentir dores constantes’ por causa da pressão nos ouvidos”.

O dispositivo também está ajudando pessoas que têm defeitos congênitos que afetam seus ouvidos, ou talvez tenham perdido um ouvido, ou ainda tenham deformações devido a acidentes e não sejam capazes de usar máscaras.

“Foi realmente incrível e muito emocionante ouvir as histórias”, disse Roney.

A ideia

A iniciativa surgiu depois uma publicação no Facebook, de uma enfermeira local que esperava que alguém fizesse esse dispositivo para aliviar a pressão nos ouvidos.

Quinn, de 12 anos, encontrou protótipos on-line e começou a criar material de impressão 3D, que a família já possuía.

Depois, ele os entregou a um amigo da família, enfermeiro, para testar e ajudar a escolher o design mais eficaz.

O material já foi certificado e para mais informações é só entrar em contato nos links do post da mãe de Quinn no Facebook. (abaixo)

Quinn Callander trabalha em casa Foto: arquivo pessoal

Quinn Callander trabalha em casa Foto: arquivo pessoal

Com informações do The Global and Mail Canada

Via: Só Notícia Boa