Fausto Silva comenta críticas e ameniza fama de ajudar os outros: ‘Mérito nenhum’

15/02/2018 às 14:17.
Fausto Silva diz que comanda atração que tem que agradar a todas as idades Foto: Reprodução/Youtube

Fausto Silva diz que comanda atração que tem que agradar a todas as idades

Fausto Silva, que na última quinta-feira foi submetido a uma angioplastia, conversou com a filha do ator Tom Cavalcante, Maria Antonia, em seu canal da internet. Em rara aparição para entrevistas, Faustão comentou sobre as críticas que já recebeu e fez uma avaliação da carreira no comando de uma atração de TV, desde a estreia na TV Globo, em 1989.

“Foi um desafio porque fui fazer uma coisa que não estava acostumado a fazer (…) Era um programa supermercado: que tem que atender a criança, jovem, adulto e velho. Esse é o grande desafio. E a Globo tinha tentado de várias maneiras conseguir um programa que desse audiência, faturamento e prestígio. Todo domingo é um desafio conquistar quem gosta, quem não gosta, quem critica. Televisão é assim”, assume Faustão à youtuber.

O apresentador também fez brincadeiras ao comentar sobre o fim da “Pizza do Faustão”, que convidava artistas a comer em frente às câmeras: “Paramos a pizza porque estamos todos de dieta lá. Só você que pode dar uma engordadinha, nós não. Senão, vai virar tela cheia”.

O marido de Luciana Cardoso também explicou o fato de ser conhecido pela generosidade, por ajudar amigos e profissionais.

“Não tenho mérito nenhum. Todo mundo que está na vida, que tem felicidade, saúde e está numa profissão que gosta tem a obrigação de melhorar a vida para todo mundo. Não é questão de ser bonzinho, é de ser inteligente. Se todo mundo fizer isso, cria-se um mundo melhor para todo mundo. É obrigação de todo mundo (…) Qualquer tipo de ajuda cria uma sociedade mais alegre e mais feliz”.

Pai de Rodrigo, de 9 anos, de João Guilherme, de 14, e de Lara, de 18 anos, o apresentador também soltou que dá bronca nos meninos através de cartas:

“Todo dia escrevo uma carta para meu filho. Um deles. Porque o Rodrigo é bonzinho. Mentira, para o João e para o Rodrigo (…) Escrever é bom porque você desenvolve”.