Em caso raro, mãe de 48 anos doa rim a filho adotivo de 3

18/12/2018 às 08:46.

O menino, de saúde frágil, nasceu com um rim inativo e outro falho. Aos 3 anos, recebeu da mãe adotiva um novo rim, em caso considerado raro pelo próprio cirurgião

Nicole e Eric (Foto: Reprodução )

Nicole Alles mora nos Estados Unidos, tem 4 filhos grandes e, há quatro anos, adotou Eric, um menino de saúde frágil, que precisou de um transplante de rim em 2017. Em um episódio raro e comovente, a própria Nicole, aos 48 anos, se descobriu compatível e doou seu rim ao filho adotivo.

A cirurgia, realizada há um ano, foi uma exceção concedida pelo Hospital Universitário de Indiana (EUA), já que, geralmente, os doadores têm menos de 30 anos. “Trabalho aqui há 15 anos, já fiz mais de dois mil transplantes de rim e esta é a primeira vez que vejo algo parecido. É super-raro uma mãe adotiva ser compatível e capaz de doar para seu filho”, disse o cirurgião William Goggins, responsável pelo caso, ao site Today.

Eric com a equipe médica (Foto: Reprodução)

O médico explicou que transplantar um rim adulto em uma criança é complicado, pois é preciso criar espaço no abdome da criança, portanto a incisão é feita ao longo de praticamente toda a barriga. Essa, porém, não seria a primeira cicatriz no corpo do menino. Segundo a mãe, Eric possui diversas delas, já que nasceu com complicações severas – pulmões colapsados, bixiga inativa, o rim esquerdo que não funcionava e o direito, falho – e precisou passar por 30 cirurgias em seus primeiros anos de vida.

O transplante de rim foi um sucesso e o menino, que até então só se alimentava via tubo, agora também come e bebe. No início do mês, ao completar 4 anos, ganhou até bolo de chocolate – sobremesa que nunca havia provado antes.

Nicole, Eric e parte da família (Foto: Reprodução)

Nicole é afrodescendente e Eric, branco de olhos azuis. Agora, ela conta, quando perguntam na rua se o menino é seu filho, ela responde: “Sim, ele até tem um rim meu”.