“É preciso saber beber”. Não aprendeu? Então veja como curar a ressaca do Carnaval

14/02/2018 às 08:10.

Saiba como evitar vexames e fugir da ressaca no Carnaval

Pixabay

Às vezes acontece. Seja nas festas de rua, à beira da praia ou atrás do trio elétrico. Nas mãos deles e também delas, lá está bom e velho copo de cerveja. Um atrás do outro, por vezes intercalados por doses de destilados. No meio da folia é fácil deixar a parcimônia de lado e acabar exagerando na bebida alcoólica. Não raras vezes, o famoso “pt” vem com tudo no outro dia, em forma de dores de cabeça, náuseas e aquele gosto de “sola de sapato” na boca. O ideal é evitar, porém se a ressaca bater com tudo no dia seguinte, alguns conselhos podem ajudar.

Ressacão das bravas né? Foto: Pixabay

 Foto: Pixabay

De acordo com a nutricionista, professora do curso de nutrição da Faculdade Paranaense (FAPAR) e conselheira do Conselho Regional de Nutricionistas do Paraná, Juliana Bertolin Gonçalvez, em caso de ressaca o melhor é descansar e ingerir alimentos leves no dia seguinte. “É normal não querer nem pensar em comer quando se está de ressaca. Porém é importante repor nutrientes e proteínas com uma boa sopa, por exemplo”, explica. De acordo com a especialista, uma sopa de carne ou canja de galinha são a melhor pedida. Além, é claro, da ingestão de água. “Todos nós sabemos que o álcool desidrata. É obrigatório tomar muita água no dia seguinte, mesmo sem vontade”, ressalta.

Segundo a especialista, no entanto, a melhor dica pra driblar o porre continua sendo evitar os exageros e se prevenir, antes mesmo de cair na festa.

Confira 5 passos simples que podem evitar o vexame neste Carnaval.

Coma bem – Segundo Juliana, uma boa refeição antes da folia, e pequenos lanches de três em três horas podem minimizar os efeitos do álcool no organismo. “A melhor forma de lidar com a ressaca é se alimentar bem. Lembrando de nunca ingerir álcool com estômago vazio. O ideal é consumir alimentos que contenham carboidratos como massas e pães, de preferência integrais”, pondera.

Tome bastante água – “Carnaval é sinônimo de calor, movimento e suor. Quem sua perde líquidos e é preciso reidratar o corpo de hora em hora. Ingerir água entre cada nova dose de bebida alcoólica também ajuda a evitar a ressaca”, explica.

Evite alimentos gordurosos – “Sabe aquele gosto ruim na boca que fica no dia seguinte? Ele é resultado da gordura de alguns alimentos. Então se você vai beber um pouco mais, evite comer comidas gordurosas”, recomenda.

Ingira a “cisteína”, comumente encontrada em ovos, brócolis, pimenta, cebolas e gérmen de trigo. Esse aminoácido é responsável pela eliminação de boa parte do acetaldeído. Também é recomendado ingerir potássio. Quando se bebe muito, se urina em maior quantidade. Para repor é preciso comer banana, batata chips e suco de laranja.

Não exagere – tenha em mente que os excessos devem ser controlados. “É importante que cada pessoa respeite o seu limite e tenha consciência de que beber demais nunca é bom para a saúde”, diz.

Via: Tribuna do Paraná