Ao Vivo

É fake! Ministério da Saúde não liga ou manda SMS pra cadastrar para vacinação contra covid-19

20/01/2021 às 08:08.

Golpistas buscam ter acesso a aplicativos de mensagens como o WhatsApp e o Telegram. Foto: Henry Milleo / Arquivo/Gazeta do Povo.

Golpistas se aproveitam da expectativa pela vacinação contra covid-19 para enganar cidadãos e obter acesso a aplicativos de mensagens como o WhatsApp e o Telegram, segundo informou o Ministério da Saúde no dia 14 de janeiro.

De acordo com publicação da pasta nas redes sociais, os golpistas ligam para os celulares das vítimas e fazem um falso questionário para levar o cidadão a acreditar no golpe e compartilhar com o criminoso um código que dá acesso aos aplicativos de mensagens.

A isca usada pelos golpistas é a possibilidade de pré-agendar uma data para a vacinação. A pasta, no entanto, não está agendando datas para a vacinação contra a covid-19 e não faz ligações para cidadãos.

“O Ministério da Saúde esclarece que não realiza agendamento para aplicação de nenhum tipo de vacina, e nem envia códigos para celular dos usuários do SUS (Sistema Único de Saúde). Caso receba solicitação de cadastro, não forneça seus dados e denuncie às autoridades competentes”, diz a publicação do ministério nas redes sociais.

Golpe por SMS

Outra modalidade do golpe, também sugerindo agendamento para vacinação contra o novo coronavírus, acontece por meio de SMS. A vítima recebe uma mensagem de texto, supostamente do Ministério da Saúde, pedindo para que clique no link e confirme o código para agendar a vacinação. Ao fazer isso, a vítima dá aos golpistas acesso aos seus aplicativos de mensagem.

Procurado, o Ministério da Saúde não respondeu aos questionamentos enviados pela reportagem.

Via: Tribuna Do Paraná