Ao Vivo

Descoberta pode cicatrizar feridas e deixar pele igual à de bebê

28/10/2020 às 17:46.

Ilustração de pele humana com cicatriz – Foto: Bastun/istock

Cientistas norte-americanos fizeram uma descoberta revolucionária. Eles encontraram um método para tratar feridas e regenerar a pele adulta, para que fique como a de um bebê.

A descoberta é de pesquisadores da Washington State University (WSU) e saiu na revista eLife.

Eles identificaram um fator genético que pode prevenir parte do processo de envelhecimento.

“Podemos pegar a capacidade inata da pele jovem neonatal de se regenerar e transferir essa capacidade para a pele adulta”, disse Ryan Driskell, professor assistente na Escola de Biociências Moleculares da WSU.

A técnica utilizada é chamada sequenciamento de RNA de célula.

Como

No estudo, feito inicialmente em camundongos, os cientistas conseguiram ativar uma molécula que permanece desligada após a formação do tecido adulto, em humanos.

Em camundongos bebês, essa “chave” controla a formação de folículos pilosos à medida que eles se desenvolvem durante a primeira semana de vida.

Quando foi ativada em células especializadas em ratos adultos, a pele foi capaz de curar feridas sem deixar cicatrizes.

A pele regenerada incluía até pelos e podia causar arrepios, uma habilidade que se perde nas cicatrizes de humanos.

Os pesquisadores garantem que o avanço é importante e precisam continuar os estudos para que num futuro próximo a técnica possa ser aplicada à pele humana.

Com informações do CatracaeLife.

Via: Só Notícia Boa