Ao Vivo

Curitiba tem queda de acidentes com aranha-marrom em 2020, diz prefeitura

07/01/2021 às 15:00.

Foto: Venilton Kuchler/Arquivo SESA

Curitiba registrou 472 acidentes com aranha-marrom em 2020, de acordo com a prefeitura. Em 2019, foram 848 acidentes provocados pelo aracnídeo na capital.

A Secretaria Municipal de Saúde afirma que a queda pode ter relação com a pandemia do novo coronavírus, já que com as pessoas ficando mais em casa, aumentaram os cuidados com a limpeza.

Em 1993, Curitiba contabilizou 1.852 casos de picadas, e no início dos anos 2000, foram mais de 3 mil acidentes.

Mesmo com os números atuais mais baixos, Curitiba ainda é uma das capitais com maior registro de acidentes com a aranha-marrom, segundo a prefeitura.

Conforme a Secretaria Municipal de Saúde, o calor é o período com maior incidência de picadas pois o tempo quente favorece a circulação dos animais pelos ambientes em busca de alimento e de parceiros para reprodução.

A aranha-marrom costuma entrar em roupas, calçados, lençóis, toalhas e outros objetos onde pode encontrar abrigo.

Como a aranha gosta de lugares secos e escuros como frestas, rodapés e atrás de móveis, é importante manter a limpeza da casa, orienta a prefeitura.

Fonte G1PR