Ao Vivo

Curitiba tem mais 620 infectados por coronavírus

05/08/2020 às 08:06.

Foto ilustrativa: Pixabay/ Chokniti Khongchum

Curitiba confirmou nesta terça-feira (4) que mais 620 de seus moradores estão infectados com o novo coronavírus. Além deles, outras 22 pessoas, que já haviam testado positivo, morreram em decorrência de complicações provocadas pela doença. Os novos dados elevam para 21.570 o total de casos casos confirmados e para 620 os óbitos por covid-19, desde o início da pandemia, em 11 de março. Entre os contaminados, 5.440 estão na fase ativa da doença, naquela em que podem transmitir o vírus Sars-CoV-2. Mas felizmente, 15.510 pacientes superaram a covid-19 e estão recuperados.

De acordo com a atualização do boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), as novas vítimas fatais da doença são 14 homens e oito mulheres, com idades entre 35 e 92 anos. Estas pessoas que perderam suas vidas para a covid-19 tinham doenças crônicas e 21 delas estavam internadas em hospitais da cidade. Dos novos óbitos, 15 aconteceram nas últimas 48 horas e os outros sete, que eram investigados, entre os dias 27 de julho e 2 de agosto.

Morte por complicações tardias

Entre as mortes mais recentes, uma chamou a atenção das autoridades de saúde municipais. Conforme a SMS, uma das vítimas, um homem de 66 anos que faleceu em casa, é um exemplo de complicações trombolíticas tardias da covid-19. Este homem recebeu diagnóstico de novo coronavírus e esteve internado durante o mês de junho. Ao se recuperar, teve alta e pôde voltar para sua casa. No entanto, acabou falecendo, pouco tempo depois.

De acordo com a médica infectologista da SMS, Marion Burger, embora sejam raros, casos como este têm sido relatados nesta pandemia. “Há mortes causadas por complicações tardias da infecção pelo novo coronavirus, como consequência de fenômenos tromboembólicos – trombose, infarto e acidente vascular cerebral (AVC) -, ou até mesmo pelo dano causado em outros órgãos como rins e coração”, explica Marion.

Na capital, ainda há outros três falecimentos que podem ter ocorrido a após a contaminação com a covid-19, que aguardam o resultado dos exames. E 641 pessoas com sintomas suspeitos da doença também são monitoradas por médicos e equipes da Secretaria Municipal de Saúde.

Em UTIs e enfermarias

88% dos 345 leitos de UTIs exclusivos para covid-19 do Sistema Único de Saúde (SUS) estão ocupados nesta terça-feira, de acordo com informações da prefeitura de Curitiba. Na cidade, ainda segundo a administração municipal, restam 43 leitos do SUS livres nos hospitais.

Atualmente, 501 pacientes que testaram positivo para covid-19 estão internados em hospitais das redes pública e particular de Curitiba, sendo que 227 deles ocupam leitos em unidades de terapia intensiva (UTI).

Via: Tribuna Do Paraná