Correria, lucro alto, sacola cheia, alegria e reclamação marcam promoção do R$ 1 em supermercado

19/01/2018 às 07:57.

Foto: Jonathan Campos / Gazeta do Povo

Um dia de promoção com mais de 100 itens por R$ 1. Essa foi a sacada de um supermercado Ítalo, no bairro Atuba, em Curitiba, para chamar a atenção da vizinhança e ganhar ainda mais clientes. O encarte foi disparado via WhatsApp para clientes cadastrados na noite de quarta-feira, mas a notícia rapidamente se alastrou quando ganhou espaço na Tribuna do Paraná. O resultado foi corredores cheios, lucro para o mercado, gente feliz e também gente irritada.

Desde as primeiras horas da manhã filas se formaram pelos corredores do mercado que é a única filial da rede que nasceu em Toledo, região Oeste do Paraná. Em certo momento da manhã nem carrinhos se encontrava para carregar as compras. “Eles (clientes) chegaram cedo e conseguiram fazer as compras com mais tranquilidade, mas por volta das 11h, as filas já estavam atravessando todo o mercado”, afirmou o gerente do Leocir Lucas da SIlva à Gazeta do Povo.

A promoção foi um sucesso, já que o faturamento da loja para uma quinta-feira aumentou em 120%. “Estou fazendo compras para duas famílias e consegui economizar quase R$ 300 hoje”, disse a dona de casa Cláudia Rocha”. A promoção valia apenas para esta quinta-feira.

A ideia dos administradores do supermercado é repetir a promoção muito em breve. “Esse é um período em que os consumidores compram um pouco menos por não ter pagamento nessa proximidade e as nossas vendas são mais fracas. Então, essa promoção cria um fluxo bem melhor”, explicou o gerente, prometendo repetir a promoção nos próximos meses, sempre entre o dia 15 e o dia 20.

Mas teve gente que ficou na bronca. Dos itens anunciados no encarte, alguns não foram localizados pelos clientes. “Eu cheguei pra comprar alguns produtos que estavam no encarte e fui surpreendido. Nenhum deles estava disponível. O gerente diz que acabou”, contou um cliente que se identificou apenas como Paulo, que saiu de Santa Felicidade para aproveitar a promoção.

Via: Tribuna do Paraná