Corpo de funcionário da Vale que foi filmado cantando ‘Noites traiçoeiras’, é encontrado

13/02/2019 às 13:25.

Foto: Reprodução / Youtube.

 

A localização do corpo do operador de máquinas Wilson José da Silva, em meio a lama de rejeitos da barragem rompida em Brumadinho (MG) veio como uma forma de “alívio” para a família dele. O funcionário da Vale de 53 anos ficou conhecido nas redes sociais por aparecer cantando a música religiosa “Noites traiçoeiras” em um vídeo, gravado uma semana antes do desastre no vestiário da empresa, onde estavam vários de seus colegas de trabalho.

Assista abaixo o vídeo que gerou muita comoção no país, após chegar até os familiares e amigos de Wilson:

 

 

Segundo um parente, a agora viúva do operador de máquinas ficou “mais conformada” depois da localização do corpo, que permitiu um “enterro digno” no último fim de semana. Ela agora voltou ao trabalho, enquanto segue aguardando as providências a serem tomadas pela Vale.

— De certa forma é um alívio por ter encontrado o corpo — afirmou. — Mas a divulgação do vídeo também a deixou mais conformada, porque foi como uma homenagem que ficou gravada.

Enquanto Wilson ainda estava desaparecido, o sobrinho Carlos Eduardo Silva Braga, de 19 anos, tinha dito que seu tio sempre foi um homem muito religioso e que a cena registrada no vídeo mostrava como era a rotina de Wilson no ambiente de trabalho.

 

Leia a matéria completa: O GLOBO.