Conheça os benefícios da pipoca

05/10/2018 às 09:57.

Quem não gosta de pipoca, principalmente para acompanhar um filme?

Um estudo realizado pelo Journal of the American Dietetic Association já havia evidenciado que o consumo do grão de milho poderia ser uma estratégia positiva e não tão ruim como imaginávamos.

Além disso, outra pesquisa, realizada pela Universidade de Scranton (EUA), concluiu: a pipoca possui mais antioxidantes (polifenóis) que algumas frutas e verduras. O alimento ainda é rico em minerais como zinco e magnésio.

O amido presente na pipoca também é muito relevante: chamado de amido resistente, ele é um tipo bom de carboidrato e não provoca elevações repentinas das taxas de açúcar no sangue. Também não causa inflamações e poços insulinêmicos. Isso significa que ele é capaz de garantir a sensação de saciedade por mais tempo.

Mas é preciso ficar atento: não se recomenda a ingestão diária – e muito cuidado com as quantidades, obviamente.

É preciso estar atento ao preparo da pipoca:
– Para estourá-la e conseguir um resultado mais saudável, utilize um pouco de água no fundo do recipiente em vez de óleo de soja, canola, girassol. Vale optar também por azeite de oliva, óleo de coco, manteiga ou banha de porco;

– Tempere com pouco sal e experimente acrescentar ervas secas ou frescas como alecrim, orégano ou tomilho;

  • – Não consuma pipoca pronta para micro-ondas. São cheias de corantes, conservantes e toxinas. Utilize o grão de milho. Procure orientação de um nutricionista para ajustes individuais.