Carreta equipada com tela de reprodução exibe filmes gratuitamente em Curitiba

28/09/2017 às 09:00.

Ação faz parte do projeto Cine Ticket Cultura – por aqui, serão oito sessões com o objetivo de democratizar o cinema

Carreta equipada com tela de reprodução exibe filmes gratuitamente em Curitiba A carreta estará em Curitiba nesta quarta e quinta-feiras. Foto: Divulgação.

Com o objetivo de democratizar o acesso ao cinema surgiu o projeto Cine Ticket Cultura, que estará em Curitiba nesta quarta e quinta-feiras. Basicamente, a ação consiste em uma carreta equipada com tela de reprodução que está fazendo uma turnê pelo Brasil – aqui em Curitiba, ela vai estacionar no Boqueirão e exibir filmes de forma gratuita para quem quiser ver. Quem for às sessões também tem direito à pipoca e refrigerante.

A carreta fica estacionada no número 8.430, na Av. Mal. Floriano Peixoto e terá quatro sessões por dia. Nos dias 29 e 30, a carreta segue para São José dos Pinhais, em local ainda a ser confirmado.

Segundo o estudo Impacto Econômico do Setor Audiovisual Brasileiro, feito pela Tendências Consultoria para a Motion Picture Association (MPA), 46% dos brasileiros não dispõem de salas de cinema no município onde vivem. Esse número é melhor que o de 2012, quando a porcentagem foi de 51,6%, mas ainda assim representa quase metade da população do País. Além disso, o preço dos ingressos ainda é um fator que afasta as pessoas dos filmes.

No total, a turnê da carreta vai durar 120 dias e passar por 28 cidades de todo o Brasil – a estimativa é que 13 mil pessoas assistam aos filmes. O projeto foi idealizado pela Ticket em parceria com a Kinoplex, viabilizado pelo Ministério da Cultura, por meio de aporte via Lei Rouanet.

Programação das sessões

Dia 27 de setembro

10h – Mogli, o menino lobo

13h – Kubo e as cordas mágicas

16h – Eu fico loko

19h – Linda de morrer

Dia 28 de setembro

10h – Pets: a vida secreta dos bichos

13h – Especial curtas nacionais em libras

16h – O bom gigante amigo

19h – Mogli – o menino lobo

Via: Gazeta Do Povo