Ao Vivo

Cabeleireiro cria salão móvel para atender pessoas com deficiência em casa

11/07/2017 às 09:48.

O cabeleireiro José Valente, de 44 anos, morador do Distrito Federal, criou um salão móvel para atender pessoas com deficiência em casa.

A ideia surgiu depois dele ouvir de um cliente cadeirante que era a sexta vez que tentava entrar em um salão de beleza, mas não conseguia por causa da falta de acessibilidade.

O salão móvel conta com os mesmos equipamentos de um salão comum, incluindo cadeiras adaptadas, tesouras, secadores, produtos químicos e um lavatório. Corte, pintura e hidratação são alguns dos serviços oferecidos pelo Acessibilidade Cabeleireiro Delivery.

cabeleireiro-van-close-2

José investiu ao todo R$ 60 mil. Ele conta que o faturamento triplicou em relação ao período em que trabalhava em um salão de beleza.

“Atendo cerca de 30 clientes por mês, o que dá R4 4.500. Não há concorrência, pois sou o único do DF que vai de van até a casa das pessoas para prestar o serviço”, diz José em entrevista para o site Uol. O cabeleireiro ganhava R$ 1.500 no salão. A van funciona há apenas nove meses.

“Atendo pessoas com diversas deficiências, algumas que não conseguem nem sair da cama. Corto, faço mexas nos cabelos e hidrato. Todo o serviço é feito com muito carinho. Muitas vezes, viro parte da família”, finaliza.

Via: Hypeness