Bruno Gagliasso afirma: “Adotar uma criança é uma luta também”

25/05/2018 às 09:48.

Foto: Reprodução/Instagram/Bruno  Gaglisso

Os pais de Titi, de apenas 4 anos, relembraram os ataques racistas que a filha sofreu e que acabaram na justiça. Sobre isso, Gagliasso foi categórico e disse que recorreria a um processo judicial de novo, se fosse necessário.  “Eu faria a mesma coisa [se acontecesse novamente]. Fiz e vou fazer sempre, essa é uma das formas de ensinar a minha filha a ir atrás e se defender”, afirmou o ator, que confessou ter evoluido após a paternidade. “Adotar uma criança é uma luta também, né? Qualquer pessoa decente não pode deixar isso acontecer. E eu percebo o quanto eu era ignorante nesse assunto”, contou Bruno.

Ewbank, por sua vez, revelou a incompreensão de muitos sobre adoção e foi taxativa. “As pessoas me perguntam muito: ‘Você não tem vontade de ter a sua filha?’. Isso me incomoda muito, porque a Titi é a minha filha”, desabafou a atriz.