Ao Vivo

Brasileiros que não sacaram o abono de 2016 terão uma nova chance

25/07/2018 às 09:12.

Os trabalhadores que não sacaram o abono salarial referente a 2016 até o fim de junho, quando o prazo acabou, terão nova chance para pegar o dinheiro a partir desta semana. Há cerca de duas semanas, o Codefat (Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador) autorizou a prorrogação do prazo para a retirada do dinheiro, que agora vai até 30 de dezembro.

Os recursos referem-se ao ano-calendário de 2016. Portanto, tem direito ao dinheiro quem trabalhou por pelo menos 30 dias em 2016, já estava inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ganhou, em média, até dois salários mínimos por mês.

O valor por pessoa varia de acordo com o período trabalhado no ano de referência. No caso do abono antigo, quem trabalhou 2016 inteiro receberá o salário mínimo integral, de R$ 954.

Também na quinta-feira (26) começa o saque do abono do ano-calendário 2017, referente ao trabalho feito no ano passado. É preciso ter trabalhado por pelo menos um mês em 2017.