Beterraba faz muito mais do que ajudar a emagrecer: elimina toxinas, reduz riscos de AVC e mais

04/09/2019 às 09:33.
beterrabas cortadas vegetais 1217 1400x800
Lisovskaya/istock

Rica em nutrientes, vitaminas, ferro e fibras, a beterraba deveria estar sempre presente no seu cardápio, mesmo se você não quer emagrecer, já que, além de contribuir para a perda de peso, o alimento promove excelentes benefícios para a saúde. Conheça 7 ótimos motivos para comer beterraba:

Por que você deve comer beterraba sempre

beterraba fome legumes 0917 1400x800
Dmitry Lobanov/shutterstock

Beterraba elimina toxinas do corpo: o alimento é fonte de betalaína, substância capaz de promover a desintoxicação do organismo.

Beterraba ajuda no treino: por ser rica em nitrato, ela potencializa o aproveitamento dos nutrientes pelos músculos e fornece energia extra para a prática de exercícios.

shake suco beterraba 0916 1400x800
PopTika/shutterstock

Beterraba reduz riscos de AVC: estudos indicam que o consumo regular do alimento aumenta a dilatação dos vasos e, consequentemente, melhora o fluxo de sangue e o transporte de oxigênio.

Beterraba combate a hipertensão: o alimento é boa fonte de potássio, mineral que tem ação protetora dos vasos sanguíneos, garantindo maior flexibilidade e contribuindo para a redução da pressão arterial em até 7%, segundo pesquisas.
Beterraba fortalece o sistema imunológico: o vegetal aumenta a resistência do organismo, defendendo o corpo de doenças simples como gripes e resfriados, graças à ação do zinco presente no alimento.
beterraba 1400x800 0917
Madeleine Steinbach/shutterstock

Beterraba melhora a vida sexual: por promover ação vasodilatadora, que melhora o fluxo sanguíneo dos órgãos genitais, tanto dos homens quanto das mulheres, o alimento traz benefícios para o desempenho na intimidade. A beterraba ainda possui boro, mineral que auxilia a produção de hormônios sexuais.

Beterraba protege o cérebro de Alzheimer: a alta concentração de antioxidantes presente no alimento ajudar a prevenir doenças degenerativas e demência. Além disso, suas vitaminas blindam o sistema nervoso, evitando a deterioração dos neurônios.

Via: Vix