Avó joga neto recém-nascido no chão da maternidade por achar que filho foi traído

18/02/2020 às 09:57.

Um bebê de apenas 12 horas de vida foi derrubado propositalmente dos braços de sua avó paterna, depois dela dizer que seu filho não era o pai da criança. O caso tem causado revolta no grupo de discussão, no site Reddit, dos Estados Unidos.

A mãe da criança fez um desabafo: “Eu acabei de dar à luz e estou em choque no hospital. Minha sogra veio nos visitar e conhecer o bebê. Eu tenho origem indígena, só que ao contrário da maioria da minha família, minha pele é mais clara e meu marido é um homem branco. Quando colocaram meu bebê no colo da minha sogra, ela disse: “ele não é do meu filho, ele é muito escuro. Ela deve ter te traído”, disse.

Segundo a mãe, a sogra deixou a criança cair no chão, só que um médico e uma enfermeira viram tudo. “O médico estava no quarto e viu tudo! Tenha em mente que meu filho tinha apenas 12 horas de vida. Meu médico então chamou a segurança e ele, juntamente com outra enfermeira, levaram meu filho para outra sala para ser examinado. Eu ainda estou explodindo de raiva pelo que ela fez. Ela está presa agora”.

Os participantes do grupo ficaram revoltados: “Isto é um absurdo sem tamanho, sinto muito que você e seu bebê tenham passado por isso. Espero que seu filho fique bem e estou feliz por sua sogra estar presa! Ela tentou matar seu bebê, não deve ter contato com ele nunca mais!”, disse um. Outro falou: “Mesmo se você tivesse traído, eu sei que não é o seu caso, mas o que um bebê inocente tem a ver com isso?! Como que alguém pode fazer algo tão horrível com um bebê que acabou de nascer?!”.

Via: Revista Crescer