Atirador de Campinas tinha 49 anos e nenhum antecedente criminal.

11/12/2018 às 18:02. Tags: , , , . Comente esta notícia!

 

O delegado José Henrique Ventura, do Deinter 2 (Departamento de Polícia Judiciária de São Paulo Interior 2), informou na tarde desta terça-feira (11) que o homem que matou ao menos quatro pessoas e depois se suicidou durante um ataque dentro da Catedral Metropolitana de Campinas, a cerca de 100 km de São Paulo, era Euler Fernando Grandolpho, de 49 anos.

Além dos cinco mortos, quatro pessoas ficaram feridas e foram encaminhadas a hospitais da região. Três delas já tiveram alta.

Segundo o delegado, que mostrou a carteira de habilitação nacional do suspeito para todos os jornalistas presentes durante uma entrevista coletiva, Grandolpho morava em Valinhos e não tinha nenhum antecedente criminal, de acordo com pesquisa feita pelos policiais a partir dos documentos.

Ventura informou que a carteira de habilitação de Grandolpho foi encontrada em uma mochila abandonada dentro da igreja. O homem foi alvejado por tiros da polícia e, em seguida, se matou.

 

 

Fonte: Uol