Ao Vivo

Após 12 dias internada, jovem atacada com soda cáustica em rua de Jacarezinho deixa UTI, diz hospital

4 de junho de 2024

Foto: Arquivo pessoal e reprodução

Por g1

Isabelly Aparecida Ferreira Moro, de 23 anos, atacada com soda cáustica em uma rua de Jacarezinho, no norte do Paraná, deixou a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no domingo (2), segundo a assessoria do Hospital Universitário de Londrina.

Ela estava na UTI desde 22 de maio, quando foi atacada na rua por Débora Custódio, 22 anos. A suspeita está presa. A polícia acredita que Débora cometeu o crime por ciúmes de Isabelly, que é ex-namorada do atual companheiro dela. 

O advogado Jean Campos, que atua na defesa da presa, pediu exames de sanidade mental da cliente e a mudança para uma cela isolada.

De acordo com o hospital, após deixar a UTI, Isabelly foi levada para a enfermaria e não precisa mais de equipamentos para respirar. A assessoria informou que não há previsão dela receber alta.

“Houve melhora de seu estado geral, está estável hemodinamicamente e consciente. Respira espontaneamente”, disse a assessoria.

A mãe da vítima, Regiane Ferreira, disse que o produto atingiu a boca de Isabelly e a jovem o engoliu. Segundo ela, isso agravou o estado de saúde da paciente.

Leia mais