Anvisa proíbe venda de cosméticos para cabelo e unhas

17/08/2018 às 08:23. Comente esta notícia!

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu a comercialização de dois produtos de beleza: o alisante de cabelos Forever Liss Btox e o primer para unhas Keraprimer, usado principalmente na aplicação de unhas postiças.

Foto: Pixabay

Ambos produtos foram vetados pela agência por falta de registro — importante para que o consumidor tenha certeza da segurança e eficiência do produto. Para conseguirem regulamentação pela agência, os cosméticos têm avaliação e fiscalização rigorosas, que seguem critérios específicos para cada produto em questão (sejam cosméticos ou medicamentos).

O Forever Liss Btox já havia sido reprovado em análise da Proteste este ano, junto com outros produtos para alisamento de cabelos, quando testes feitos pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco detectaram níveis de formol acima do permitido — a quantidade máxima liberada no Brasil é de 0,2%.

O formaldeído ou formol  é uma substância considerada cancerígena pela OMS e que, em grandes quantidades, pode levar à queda dos fios de cabelo.

Com a comprovação da ausência de registro, a Anvisa determinou a proibição, comercialização, distribuição e divulgação dos dois produtos em todo o território nacional. As empresas deverão ainda recolher os estoques existentes.